InícioMadeiraMadeira Opinião
Madeira Opinião

As conversas no café são mais interessantes quando os companheiros habituais têm opções clubísticas e políticas diferentes. Tem piada quando gozamos o “paganine”( pagador do café) que perdeu no jogo dos “milhinhos” (moedas). Dizemos umas ” bocas” ao adepto do clube que anda atrapalhado, para não descer de divisão, ou então, o treinador do nosso clube, passa de bestial a besta, numa semana!

O sucesso do Parque Cristóvão Colombo ficou por apurar. Perdemos o rasto desta grande novidade que pretendia animar o verão de 1944 (no Porto Santo). Ficou, porém, a memória de um projecto arrojado e ficou a visão e o sentido de oportunidade.

Recordo o Sr. Dinis Aveiro, que um dia me disse: "O meu 'piolho' tem muito jeito pr'a bola". Afinal, o Sr. Dinis era o pai do Cristiano Ronaldo, um homem bom e "olheiro".

Há muito tempo, que ando desconfiado, a franzir o nariz, com a estratégia política da União Europeia. Adivinham-se grandes sarilhos! Os seus princípios: liberdade, igualdade e fraternidade são inquestionáveis! Dava para ter sonhos verdadeiros.

Não percebo como é que a malta do antigamente, do meu tempo, continua a não entender o que é a vida dos jovens.

Hoje aposentado, objetivo de felicidade para uns e infelicidade para outros, esta dicotomia leva-me a fazer uma retrospetiva da minha vida profissional.

O PSD-Madeira reúne-se este fim-de-semana no Funchal no seu XVI Congresso Regional do qual muito dificilmente sairão grandes novidades.