InícioExclusivo
Exclusivo

O humorista leva ao Porto e a Lisboa o seu espetáculo 'Centro das Atenções', "um apanhado e uma grande celebração" do seu percurso. Ao JE, fala sobre a carreira e os planos de iniciar um novo ciclo.

Chama-se EW Management GmbH e representa o argentino Lucho González que foi transferido para o Marselha. É um dos alvos das autoridades portuguesas e francesas nas buscas à SAD do FCP. Em causa, suspeitas de fraude e evasão fiscais em transferências de jogadores. Na mira da justiça está também a transferência de Aboubakar do Lorient para o FC Porto.

Em causa está a transferência do avançado camaronês do Lorient para o FC Porto por 7,2 milhões de euros. Na mira da justiça portuguesa e francesa estão suspeitas de fraude e evasão fiscal nos pagamentos de comissões a agentes e ao clube. Investigadores analisam ainda toda a documentação relativa a comissões e pagamentos a agentes, operadores económicos e clubes de França durante este ano.

A PJM anunciou que recuperou esta madrugada na região da Chamusca, a 21 quilómetros da base militar de Tancos, a quase totalidade do material de guerra furtado. Material foi descoberto num local pouco provável: num “campo aberto”. Após perícias foi transportado para o quartel de Santa Margarida, em Santarém.

Notícia JE. Governo chegou a incluir numa versão preliminar do OE/18 autorização legislativa para, no próximo ano, "rever a parcela de redução e de acréscimo da taxa contributiva a cargo da entidade empregadora de acordo com a modalidade de contrato de trabalho". Na proposta final, medida acabou por cair por falta de acordo com o PCP.

Greve convocada poderá colocar em causa a realização de voos diários entre as ilhas açorianas e será replicada enquanto as situações de incumprimento alegadas pelo sindicato não forem solucionadas.

O BES é o responsável pela fatia de leão das transferências que escaparam ao controlo do fisco. São mais de cinco mil milhões em três declarações referentes a 2012, 2013 e 2014.

Exclusivo Jornal Económico: Redução do PEC em 100 euros é a alternativa ao chumbo da redução da TSU que vai ser proposta aos patrões. Impacto financeiro da medida é semelhante ao da redução da TSU: cerca de 40 milhões de euros.